Roda de Leitura- A Taba

Convidados Roda de Leitura A Taba – março de 2015 (livro “Harvey – cormo me tornei invisível”, Pulo do Gato)

No dia 30 de março, A Taba inaugurou mais uma ação em prol da formação de leitores – A Roda de Leitura, com o livro “Harvey – como me tornei invisível”, de Hervé Bouchard e Janice Nadeau – Editora Pulo do Gato.

O objetivo foi mostrar como acontece um evento desse tipo, fornecendo um modelo para construir uma reflexão coletiva sobre uma obra, dando subsídios para educadores e mediadores de leitura.

Como funcionou?

. A Taba selecionou um livro e convidou, antecipadamente, dez leitores (especialistas, professores e  assinantes de nosso Clube) para fazer a leitura e analisá-lo.

. No dia combinado, os convidados ficaram todos online, usando a ferramenta do Google (hangout) – a mesmo que utilizamos no bate-papo – para conversar sobre o livro,  fazendo comentários, como em uma roda de leitura compartilhada, mesmo. Só que online.

. O público também participou fazendo perguntas e comentários. E aqueles que já tinham lido a obra também puderam trazer suas impressões,  usando o próprio Google, o Facebook, nosso canal no Youtube ou pelo nosso blog.

. Depois, o vídeo ficou disponível no blog, podendo ser assistido a qualquer momento.

Conheça os convidados da roda sobre o livro Harvey:

482158_572315859454486_1885769689_nAdrianna Nunez

Pedagoga, especialista em alfabetização e apaixonada por livros, atua como coordenadora de Educação Infantil e formadora de professores.

 

 

 

68206_534244649973969_137656059_nAna Lúcia Naletto

Psicóloga do Centro Maiêutica, especialista no tema luto. Atende crianças, adultos e a famílias inteiras quando é procurada em decorrência de uma perda. Também capacita profissionais que atuam em cemitérios, crematórios e funerárias do Brasil.

 

 

396340_320535204654539_1232940707_nBárbara Franceli

Pedagoga, professora, amante da literatura, sempre gostou de fazer dos livros um lugar de pouso, morada, estudo, reflexões, pesquisa. Lecionando para crianças desde 2003, diz que tem o privilégio de descobrir, cotidianamente, as inúmeras possibilidades que existem no universo da leitura, quando o assunto em questão é ensinar e aprender com as experiências vividas. Afinal, aprender é para toda a vida…

 

CarlaCarla Tochett

Aos 7 anos de idade já lia crônicas de Drummond e de Sabino para seus alunos invisíveis numa sala de aula imaginária… Hoje é professora, pedagoga, formadora de professores e formadores. Diante de salas muito reais, compartilha suas leituras, sua paixão pelos livros e participa de deliciosas sessões de leitura.

 

 

1496616_10152661814362946_523924838899403243_nDaisy Carias

Jornalista, cresceu conhecendo um livro mais legal que o outro. Quando descobriu que estava grávida, começou a pensar nos livros e nas histórias que um dia contaria, como seus pais faziam. Quando o Francisco nasceu, em 2010, a biblioteca dele já estava iniciada. Hoje mãe e filho compartilham suas indicações no blog A cigarra e a formiga.

 

1463050_10202340235969040_793097257_nDenise Guilherme

Mestre em Educação, formadora de professores e consultora na área de projetos de leitura. Desde cedo, apaixonada por palavras ditas e escritas. Descobriu nos livros um caminho para entender a si mesma e aos outros. E ficou tão encantada com o que viu que decidiu compartilhar com o mundo.

 

 

1457456_606503492730523_223362524_nEmily Anne Stephano

Formada em moda e especialista em jornalismo com foco em mercados de nicho e ambiente digital. Antes de saber ler já adorava passear na biblioteca e encontrou nos livros e cadernos seu primeiro grande amor. Hoje leciona Comunicação e Moda, presta assessoria de comunicação e escreve sobre cultura e universo infantil.

 

heloisa-ramosHeloisa Ramos

Licenciada em Letras pela PUC de Campinas (SP). Especialista em Didática de Língua Portuguesa, Semântica e Linguística pela PUC-SP. Professora aposentada da Secretaria Estadual de São Paulo. Foi docente no Ensino Fundamental, Médio e Superior; formadora de professores da rede pública e privada. Participou dos projetos de formação de leitores Letras de Luz e Ecoteca. Autora de livros didáticos pelas editoras Moderna e Global. Organizadora do Guia Nós na Sala de Aula, da editora Ática. Foi consultora pedagógica da revista Nova Escola, da Editora Abril, e coordenadora do Prêmio Nacional de Educação Victor Civita Educador Nota Dez. Escreveu a coluna mensal “Heloisa Responde” para a revista Nova Escola. Administra a Sala Kambeba – Espaço de Criação Livre.

1379474_4998274453811_535994106_nMilton Costa

Professor, atesta que por recomendação médica não pode viver sem ler, pelo menos, 27 páginas por dia: 9 de manhã, 9 na hora do almoço e 9 na hora de ir pra cama – mas se viciou e sempre se arrisca numas overdoses, sem contar que vira e mexe toma a prescrição inteira do dia antes de dormir.

 

 

Captura de Tela 2015-03-27 às 19.21.24Silvia Ferraz

Designer de moda e empreendedora com sua marca Spirodiro. Encantada pelo universo infantil e suas magias, adora buscar e realizar “coisinhas” que surpreendam as pessoas e as façam sorrir mais! Colabora com A Taba ilustrando os Mapas de Exploração que acompanham os livros da assinatura do Clube de Leitores.

 

 

Venha fazer parte dessa conversa também.

Adquira seu exemplar de Harvey  na loja.ataba.com.br e participe!

Sinta-se à vontade,

A Taba é de todos.




Participe da conversa!
Paula Naves disse:

Que máximo! Adorei!

Léo Augusto disse:

Muito legal! Essa história do cara que encolhe, me lembrou um perfil maravilhoso no instagram, o @encolhiaspessoas. Vale a pena conhecer! https://instagram.com/encolhiaspessoas/

Quando o Milton apresentou outros livros, também lembrei de um e acabei não falando. É "O coração e a garrafa", do Oliver Jeffers, em que uma menina resolve guardar seu coração numa garrafa para evitar os sentimentos que vêm com a perda de alguém querido. Aos poucos ela percebe que está perdendo toda sua sensibilidade e resolve recuperar seu coração, mas pra isso precisará de ajuda…Uma das ilustrações lindas é a capa do meu perfil no facebook

A Taba disse:

Olhem só que lindo o post da Daisy lá no blog "A cigarra e a formiga, falando também sobre o nosso Harvey: http://acigarraeaformiga.com/harvey-como-me-tornei-invisivel/

A Taba disse:

E a nossa Roda de Leitura continua!
Se você já leu Harvey, venha conversar com a gente, aqui, em nosso blog.
Se ainda não leu, adquira o livro e descubra porque essa obra rendeu uma leitura compartilhada tão bacana.
Estamos esperando seu comentário.

Marcia Leite disse:

Como editora de Harvey, como a leitora que escolheu esse livro para a Pulo do Gato, só posso dizer que estou comovida. Tantas vozes somadas nesta roda de leitura, nesta conversa instigante, delicada, comprovam que Harvey é um dos livros mais potentes em literariedade que eu já tive a oportunidade de ler. Potente para gerar muita conversa com o outro e conosco.E potente para gerar silêncio e conforto. Obrigada!
Que bom seria se o livro pudesse gerar conversas como essas junto às crianças. Harvey foi publicado em 2013 nunca teve a chance de ser adotado como um livro escolar. Seria maravilhoso que Harvey pudesse se tornar visível aos leitores.

O dinamismo da roda de leitura foi maravilhoso, inspirador e precisamos de todo esse dinamismo em nossas escolas!
É uma honra e um privilégio poder assistir rodas tão reflexivas e atraentes, a multiplicidade de enfoques enriquece muito nosso modo de olhar para a literatura e com certeza descortinaremos esses novos horizontes também em nossas escolas!
Parabéns a todos pela iniciativa!
Obrigada!

A fala da Ana Lúcia me fez lembrar de um livro que li recentemente, A redoma de vidro, que o pai da personagem morreu quando ela tinha nove anos e ela não participou do ritual da morte do pai, ela volta muitos anos depois e precisa encontrar o túmulo do pai e quando encontra chora muito… Minha impressão é que ela chora tudo que que não chorou no momento da morte. Ela não teve a possibilidade de elaborar aquilo para si.

%d blogueiros gostam disto: