Papai!

Papai!

Escrito por: Philippe Corentin
Ilustrado por: Philippe Corentin
Editora: Cosac Naify
Ano de lançamento: 2008

Resenha

O autor francês Philippe Corentin surpreende o leitor ao colocar numa mesma cama duas criaturas que, ao se darem conta da presença um do outro, ficam estancadas pelo terror de tal forma que só conseguem encarar a companhia que está ao lado como ameaça e gritar: “Papai!”. A história é contada de forma original, cada metade do livro explora a perspectiva de um dos personagens, que no final das contas se espelham. Assim, o leitor percebe que o drama enfrentado por cada um dos personagens consiste num medo infundado, pois se dá em virtude da falta de conhecimento que nenhuma das criaturas se preocupa em preencher.

Trecho do livro

“Mas, de repente…. Hã? O quê? O que foi isso?” P. 7

avatar

escrito por

Somos um grupo independente de especialistas em literatura infantil e juvenil, professores, pais, bibliotecários e contadores de histórias com um único objetivo: formar uma aldeia, um coletivo de pessoas que vive e experimenta leituras.

gostou? compartilhe!

comente pelo facebook

deixe seu comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.