O povo pataxó e suas histórias

O povo pataxó e suas histórias

Escrito por: Angthichay, Arariby, Jassanã, Manguahã, Kanátyo
Ilustrado por: Arariby Pataxó, Manguahã Pataxó, Kanátyo Pataxó
Editora: Global
Ano de lançamento: 2000

Resenha

Este é um livro em que cinco pataxós, índios de Minas Gerais, contam-nos em uma linguagem simples e em textos curtos como é a vida deles após o contato com o homem branco e como eles imaginam que era viver antes da aculturação. Assim eles falam dos costumes, dos rituais, do calendário que rege os cultivos e as festas. É também uma rememoração dos combates com o homem branco na ocupação dos territórios da Bahia e de Minas Gerais. Há ainda as lendas que continuam a ser contadas até hoje, como a da vingança das corujas, a da morte do bicho peludo Camunderê e a da protetora dos animais Hamãy. Perpassa o livro a tentativa de constituir um sentido do que seja ser índio numa terra tomada por brancos.

Trecho do ivro

“A noiva percebendo que o noivo não voltaria mais, resolveu partir para a sua velha morada, onde até hoje canta:
– João foi, foi, foi, foi…
E ele constantemente responde:
– Amanhã eu vou, amanhã eu vou…”

P. 14

avatar

escrito por

Somos um grupo independente de especialistas em literatura infantil e juvenil, professores, pais, bibliotecários e contadores de histórias com um único objetivo: formar uma aldeia, um coletivo de pessoas que vive e experimenta leituras.

gostou? compartilhe!

comente pelo facebook

deixe seu comentário