https://i2.wp.com/ataba.com.br/wp-content/uploads/2017/06/cocodrilo_800.jpg?fit=800%2C400

O animal mais feroz

O animal mais feroz_Vergara e RibaLivro: O animal mais feroz

Autor: Dipacho

Editora: V&R

Resenha:

Qual é o animal mais feroz?

A resposta a esta pergunta é a mesma de muitas outras: depende.

Para a gazela, pode ser o leão. Para a mosca, pode ser o sapo.

E para o tigre? E para a formiga? E para a galinha?

Explorando as relações entre imagem e texto, Diacho brinca com os diferentes pontos de vista a partir de uma mesma pergunta.

Criando ilustrações que ora retratam partes, ora apresentam o todo o autor constrói um jogo de perguntas e respostas com um divertido final que, certamente arrancará riso dos leitores de todas as idades.

O animal mais feroz foi o título selecionado pelo Clube de Leitores A Taba  para os leitores bebês no mês de junho.

Veja como foi a leitura na casa de nossa assinante Carolina Testoni:

Fiquei feliz da vida quando descobri que o livro do mês seria do Dipacho – de alguma forma nos achamos íntimos dos autores que admiramos, e o conhecíamos do livro Todos Zoam Todos, de que a Nina gosta muito – e não me decepcionei.

A história é um diálogo entre uma mamãe-bicho e seus filhotes, que querem saber dela “qual é o animal mais feroz”. O tigre? O tubarão? A cobra? O jacaré? Então qual é? A cada pergunta, um deles aparece ampliado na ilustração (muito feroz!)… mas, na resposta, junto com uma porção de NÃOs, as ilustrações o revelam um tanto desajeitado, e vemos que não é o caso.

Mas então qual é? E quem faz a pergunta? “É a galinha…! Dizia a mamãe minhoca para suas filhas minhoquinhas!” Pois é, mais uma vez, tudo se resume a uma questão de ponto de vista. Tem suspense, humor, repetição, “não” e bichinhos, que aqui a Nina já sabe identificar pelo nome.

Lemos a história assim que chegou, mais de uma vez. Depois Nina deixou o livro de lado e não pediu mais. Às vezes acontece. “Todos zoam todos” ficou um tempão na prateleira antes de a Nina sequer me deixar contar a história pela primeira vez, e no entanto hoje é um dos mais pedidos. E o mesmo já se passou com vários livros. Como na hora de comer, ofereço os alimentos e títulos, deixo à disposição, sirvo no prato/coloco-os visíveis na estante, e respeito as escolhas dela, seguindo seu interesse. É o nosso combinado e acho que tem dado bem certo. Por isso, quando os amigos me dizem que mostraram um livrinho mas os filhos não deram bola, conto sempre a “história literária” da Nina – de muito sucesso, sim, mas cheia de episódios como esse, desde o comecinho.

Enfim, voltemos ao que interessa: escolha esperta do Clube de Leitores, mais um livro em que o Dipacho tira do seu traço um humor que foge do politicamente correto sem agredir nenhuma forma de existência, colorindo a experiência de leitura das crianças e deixando um sorriso no rosto dos pais.

*****

Em 2017, convidamos assinantes do Clube de Leitores A Taba para compartilhar suas experiências de leitura durante um trimestre, abrindo as conversas em nosso fórum. Para conhecer a Carolina, clique aqui.

Faça como centenas de famílias e receba todos os meses livros para surpreender e divertir seus pequenos.

Assine você também! Faça parte do Clube de Leitores que oferece experiências de leitura de qualidade para seus assinantes.

output_pMiagz



Participe da conversa!
Tha Miyosi disse:

A Lis adora! Amamos A Taba!

Laís Froes disse:

Eu amo esse livro. E adoro ler com as crianças. De qualquer idade.

Laís Froes disse:

Eu amo Ler este com as crianças. Faço uma galinha aterrorizante. rsrsrs

%d blogueiros gostam disto: