Marco, o barco

Marco, o barco

Escrito por: Ted Hughes
Ilustrado por: Jim Downer
Editora: Cosac Naify
Ano de lançamento: 2010

Resenha

O fascínio do mar e seus desafios sempre alimentou a literatura. Grandes escritores já contaram histórias de marinheiros intrépidos, aventureiros piratas, pescadores tão reféns do mar quanto os peixes de suas redes, enfim… Em Marco, o barco, o protagonista é a própria embarcação, um rebocador que tem mais coragem do que imponência, mas forte o suficiente para se libertar das cordas que o aprisionam ao cais e se atira, por fim, na fluidez do mar. Lá ele se defronta com rivais hostis e solidariza-se com os peixes capturados pelas traineiras. Nessa história cheia de perigo e aventura, que fala de liberdade, preconceito e superação, há espaço para o lirismo amoroso, quando Marco avista uma encantadora barca em perigo. As estrofes do poema são acompanhadas de belíssimas ilustrações, que traduzem imageticamente o que vem narrado nos versos. Marco, o barco é um livro que resultou de uma amizade, a do poeta Ted Hughes e do ilustrador Jim Downer. É também uma bela história que merece ser lida, e consta no posfácio dessa edição.

Trecho do livro

“Um navio enorme, como um castelo com torres,
Alto, cobrindo o Sol no azul celeste.
Cada um, com seu olhar cravado à frente, ignora
O Marco – nem sequer se importa – e mar afora
Aquela vasta embarcação investe.”

Obra sem numeração de página

avatar

escrito por

Somos um grupo independente de especialistas em literatura infantil e juvenil, professores, pais, bibliotecários e contadores de histórias com um único objetivo: formar uma aldeia, um coletivo de pessoas que vive e experimenta leituras.

gostou? compartilhe!

comente pelo facebook

deixe seu comentário