http://i2.wp.com/ataba.com.br/wp-content/uploads/2016/02/oldlady2.jpg?w=1050

Leitura para bebês: Tinha uma velhinha que engoliu uma mosca

Em todo o berçário, pela boca de muitas crianças, espalhou-se rapidamente a notícia da velhinha que – em um incidente inusitado e engraçado –  engoliu uma mosca e mais um monte de bichos, inclusive “uma vaca, sem garfo, nem faca”. O resultado de toda essa confusão só podia ser um: “Ela morreu, é claro!”.

O que pode parecer trágico para os leitores desavisados é, na verdade, um convite à brincadeira com as palavras rimadas e com a memorização de trechos que se repetem ao longo da história.

Dos lábios de muitas das crianças, ouvia-se diversas indagações sobre a engraçada narrativa, que provocou as mais deliciosas risadas nos pequenos rostinhos curiosos diante do livro.

Tinha_uma_velhinha_que_engoliu_uma_moscaDepois de circular bastante e passar por tantas mãos, a história ficou bem conhecida e o acontecido chegou aos ouvidos de algumas famílias –  que se sentiram curiosas para saber maiores informações sobre a tal velhinha e a aranha peluda.

botaocomprar

O que pode acontecer? E se ela morrer?

Esta indagação e outras repetições do livro tornaram-se bastante comuns entre as crianças e eram ouvidas com frequência durante as situações de brincadeira ou quando estavam conversando entre si. Sem contar que, muitas das vezes, por terem se apropriado com facilidade do conteúdo da história, além de recitarem alguns trechos, as crianças interpretavam espontaneamente os personagens desse enredo com bastante humor.

Ser a velhinha, na parte em que ela engole uma aranha toda peluda, pernuda, graúda e estranha, era um dos momentos mais apreciados, cercado de muitas risadas, caras e bocas engraçadas, gracejos e um pedido especial, que se tornou frequente todas as vezes em que nos reuníamos para o momento de leitura: “Marcinha, hoje você vai contar a história da velhinha?”

Seja você adulto ou criança, é impossível não se contagiar com esta narrativa rimada, ilustrada com delicadeza e com um projeto gráfico cuidadoso, que traz em sua essência um delicioso gostinho de quero mais!

oldlady1
* Livro enviado em 2015 para os bebês assinantes de nosso Clube de Leitores.

Venha fazer parte de nosso programa de formação de leitores e comece a montar a sua bebeteca também!

 




Participe da conversa!
Aline Almeida disse:

Minha filha amou esse livro! Decorou ele todo, adorava o jogo das plavras.