Inspiração nordestina

Inspiração nordestina

Escrito por: Patativa do Assaré
Editora: Hedra
Ano de lançamento: 2003

Resenha

Patativa do Assaré contribuiu para chamar atenção para as variações da língua portuguesa manifestadas de maneira peculiar em cada região do Brasil. O compromisso de Patativa era transmitir suas histórias aos sertanejos, mantendo fidelidade à dicção regional. Combinando inventividade e alta qualidade poética, até mesmo as academias literárias reconheceram o seu talento, sem exigir dele o cumprimento da norma culta orientada pelas gramáticas oficiais. Inspiração nordestina é uma farta coletânea da poesia de Patativa. Nela encontramos reflexões sobre o fazer poético, como em “O poeta da Roça”; retratos da vida sertaneja, como em “No meu Sertão”; intenso lirismo amoroso, como em “Chiquita e Mãe Véia”; aventuras e desventuras de heróis, carrascos e donzelas, como em “A escrava do Dinheiro”. Vale lembrar que o grande Luiz Gonzaga ajudou a projetar Patativa, cantando os versos de “A triste partida”, presente nesta incrível ediçãol. Além da beleza formal dos poemas, somos confrontados com densas reflexões acerca do comportamento humano, em versos que atestam a sabedoria do pássaro cantador de Assaré.

Trecho do livro

“Não conheço português,
Apois eu por minha vez
Nunca mexi com papé,
Mas vou falá na linguage
Da minha gente servage,
Entenda lá quem pude!”

Trecho de “No meu sertão”, P. 123.

avatar

escrito por

Somos um grupo independente de especialistas em literatura infantil e juvenil, professores, pais, bibliotecários e contadores de histórias com um único objetivo: formar uma aldeia, um coletivo de pessoas que vive e experimenta leituras.

gostou? compartilhe!

comente pelo facebook

deixe seu comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.