Histórias à brasileira – V. 4

Histórias à brasileira – V. 4

Escrito por: Ana Maria Machado
Ilustrado por: Odilon Moraes
Editora: Companhia das Letrinhas
Ano de lançamento: 2010

Resenha

Ana Maria completa a coleção com mais dez narrativas envolventes e criativas.  O interessante é que a autora conta que inicialmente procurou lembrar as narrativas de memória, mas depois percebeu que algumas lembranças eram fragmentadas e por isso consultou vários pesquisadores da área para escrever. No decorrer do processo “limitei-me a unir minha voz à de tantos contadores anônimos que me precederam. Misturei elementos diversos, inventei o que me parecia casar bem com a história e não brigava com ela, temperei com meu molho, contei à minha maneira”. Um exemplo disso é o conto A donzela guerreira, que dá nome ao livro, e que foi escrito para uma versão capixaba que ela tinha na memória, encontrada também na coletânea “Romanceiro Capixaba” com o nome de Donzela que foi à guerra. O autor dessa obra é Guilherme Santos Neves, que afirma existirem outras versões em pelo menos treze fontes diferentes. O nosso dever como leitor, depois de tudo isso, é nos deliciar com as histórias contadas aqui.

Trecho do livro 

“Era uma vez três irmãs orfãs, que viviam a tecer, costurar e bordar. Um dia, estavam conversando enquanto faziam renda na varanda da frente da casa, quando viram um cortejo de cavaleiros chegando.”

P. 43

avatar

escrito por

Somos um grupo independente de especialistas em literatura infantil e juvenil, professores, pais, bibliotecários e contadores de histórias com um único objetivo: formar uma aldeia, um coletivo de pessoas que vive e experimenta leituras.

gostou? compartilhe!

comente pelo facebook

deixe seu comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.